Economia

Carros seminovos são vendidos por valor até 33% acima da tabela Fipe

Valorização dos automóveis usados é motivada pelo aumento da procura com falta de insumos para produzir 0km nas montadoras

20/10/2021 09h38Atualizado há 1 mês
Por: Redação
Fonte: R7
300

O aumento da procura por seminovos motivada pela falta de peças nas montadoras deixou os carros usados mais caros ao longo do último ano. Somente em setembro, dados coletados pela plataforma InstaCarro mostram que os veículos apresentaram valorização até 33% acima da tabela Fipe, referência do setor automotivo. Confira as principais altas nas próximas fotos

Hyundai Tucson 2018 - 33,5%

Chevrolet Tracker 2021 - 12,88%

Mitsubish L200 Triton 2018 - 10,3%

Mercedes-Benz GLA 250 2015 - 9,5%

Volkswagen Fox 2022 - 8,7%

Fiat Marea 2002 - 8,5%

Volkswagen Saveiro 2015 - 8%

Volkswagen Polo 2020 - 7,9%

Volkswagen Cross Up 2019 - 7,5%

Fiat Strada 2021 - 7,4%

O presidente da InstaCarro, Luca Cafici, explica que a valorização dos automóveis usados é fruto da maior relação entre a venda de carros usados e novos ao menos desde 2004. "Para cada automóvel zero vendido no ano, foram comercializados 6,5 usados", ressalta ele

Ele1 - Criar site de notícias